sexta-feira, 25 de abril de 2008

VI Domingo do Tempo Pascal

Aqui estão os textos desta semana: boa celebração!





Introdução



Irmãos:
Continuamos a celebração do Tempo Pascal, numa nova semana. Continuamos a celebrar e a abrirmo-nos à presença do Ressuscitado entre nós, os seus discípulos. Continuamos a celebrar a experiência mais importante da nossa vida e da nossa Fé: a Páscoa do Senhor, presente entre nós, na qual todos somos assumidos, abraçados e salvos.
Senhor: aqui tens os teus discípulos,
Aqui estamos, reunidos no teu Amor.
Sim, Mestre: continuamos a celebrar a tua e a nossa Páscoa,
Porque é em ti, é na tua presença
e na tua Passagem para o Pai,
Que toda a nossa vida se constrói,
É assumida e divinizada em Ti.
Ficamos contigo, Senhor.



Oração dos Fiéis


Jesus Ressuscitado, Senhor:
A tua Páscoa é também a tua partilha connosco, os teus discípulos, do teu Espírito que te ungiu e consagrou. Ajuda-nos a abrirmo-nos à acção do Espírito Santo em nós, que está sempre connosco como o nosso Paráclito e nos guia nas dificuldades pela construção do Reino e emergência do Homem Novo.

Jesus Ressuscitado, Senhor:
Caminhar como teus discípulos é caminhar no Amor, na Verdade e na Liberdade. Ajuda-nos Mestre, guiados pelo teu Espírito, a descobrir cada vez mais a liberdade de viver e construir a nossa vida nos critérios do Amor e da Verdade.

Jesus Ressuscitado, Senhor:
A acção do teu Espírito não se limita aos que caminham na tua Palavra, mas emerge no interior de toda a Humanidade. Ajuda-nos a darmos verdadeiro testemunho do teu Evangelho, Mestre, e da nossa esperança e alegria, afim de que os nossos irmãos reconheçam a presença salvadora do teu Espírito Santo nas suas vidas.



Bem... e com este temos o post nº100 do Economia da Salvação! Acho que reflecte um pouco a minha caminhada de descoberta destes Passos de Deus na minha história e na história da Humanidade - às vezes um pouco confuso e irregular, mas é assim!
Muito obrigado a todos os que têm passado por aqui e têm deixado os comentários - continuamos a caminhar.
E dedico este post, como todo o blog, ao meu Paráclito, o Advogado dos discípulos, que os guia nos caminhos do Reino, sempre presente, sempre, mesmo que às vezes com a sua pedagogia muito própria e especial...

2 comentários:

anawîm disse...

também te agradeço a ti, Rui Pedro, pela tua presença... uma voz do Deus Próximo...

Mila disse...

Muitos parabéns Rui Pedro e obrigada pelo que tens partilhado aqui connosco!
Um abraço.