terça-feira, 24 de junho de 2008

em direcção a ti


Renovai-vos pela transformação do Espírito que anima a vossa mente;
e revesti-vos do Homem Novo,
que foi criado em conformidade com Deus,
na justiça e na santidade, próprias da verdade...
(Ef 4, 23-24)

O Homem Novo... Sim, esse Mestre...
Esse que nasce diante de ti. Que acontece diante de ti.
Tu, que fazes novas todas as coisas,
que tudo recapitulas em ti,
Tu, Jesus de Nazaré, o Cristo de Deus,
em quem a História deixa de pertencer a si própria,
deixa de seguir o seu caminho,
e é resgatada. Possui um Senhor.
E tudo muda...

O Homem Novo... Sim, esse Homem Novo,
cujo canto heróico nunca deixou de ser cantado,
porque continua esta Tradição, este transmitir
de homens e mulheres que cantam e proclamam
que esse Homem Novo já nasceu. Aconteceu
na História da Humanidade. Nada fica igual.
Esse Homem Novo já nasceu. Ressuscitou.
E tudo muda...

O Homem Novo... Sim, essa Humanidade
cuja História já atingiu a Plenitude dos seus Tempos,
cujo Sentido já corre para uma Plenitude a acontecer,
cujo Reino a emergir é urgencia de anuncio e proclamação:
já nasceu o Homem Novo.
E tudo muda...

Tudo muda... Tem de ser...
Diante deste Acontecimento, tudo muda:
já nasceu o Homem Novo,
aquele, sim, aquele Adam do Projecto Criador,
aquele ao qual toda a História conduz...

Para onde nos viramos, Mestre,
para onde nos dirigimos? Senão para ti,
Homem Novo, único Mediador da Nova Aliança
Mestre dos discípulos, Esposo das Bodas...
É em ti, Mestre, é para ti
que a minha história se conduz:
porque já nasceu o Homem Novo...

um grande abraço

3 comentários:

Anónimo disse...

Bela Mensagem a deste post!
Muito obrigado pelo horizonte bonito que tu e a tua fé conseguiram delinear.
Tenho a certeza de que Deus te ama muito eespera muito de ti.
Um abraço cheio de gratidão!

Mila disse...

«E tudo muda...» sim,sem dúvida Rui pedro,tudo muda e para bem melhor.

nahar disse...

Caro irmão, ainda, bem que tudo muda pois só vem mostrar o dinamismo do amor de Deus por cada um de nós.

Abraço